Alunos de Fisioterapia apresentam pesquisa em Congresso em Fortaleza

 

Dois alunos do 4º ano de Fisioterapia do Imes Catanduva participaram do “XX Congresso Brasileiro de Geriatria e Gerontologia em Fortaleza (CE)”, realizado entre os dias 8 e 11 de junho. O tema de 2016 do Congresso foi “Como estamos envelhecendo: o indivíduo, a sociedade e o Brasil”.
Na oportunidade, apresentaram um pôster físico com resultados da pesquisa cujo tema foi “Funcionalidade dos membros superiores de idosos institucionalizados”. Os autores do trabalho são: Marlon Antonio Cavaçani e Pâmela Cristina Affonso, estudantes do 4º ano, e Daniela Cristina Lojudice Amarante, da professora de Fisioterapia do Imes.
“A participação dos alunos no Congresso, representando o curso de Fisioterapia do Imes Catanduva, incentiva a produção técnico-científica e os prepara para o mercado de trabalho. É uma experiência marcante, de fundamental importância para todos os envolvidos. Estamos orgulhosos!”, comentou a coordenadora do curso de Fisioterapia, professora Fábia Prieto.

13344502_964227100360386_4181790659693210992_n

Professor de Saúde e Biológicas conclui nova graduação

 

O professor Dr. Mauricio Ferraz de Arruda, docente dos cursos da Saúde e Biológicas do Imes Catanduva, concluiu esse mês mais uma graduação, agora Licenciatura em Biologia. Além de Bacharel em Fisioterapia, Mestre e Doutor em Biociências e Biotecnologia (subárea Morfologia), Maurício possui nove anos de docência no ensino superior, nos níveis de graduação e pós-graduação, e em tem mais de 30 artigos nacionais e internacionais publicados em revistas do mundo todo. “A importância das disciplinas pedagógicas na formação de um docente do ensino superior é deveras válida, pois contribui no exercício perene de pensar a educação”, salientou o professor.

Mauricio

Professor e ex-alunos publicam artigo com enfoque na saúde pública regional

O Prof. Dr. Mauricio Ferraz de Arruda, dos cursos de Saúde do Imes Catanduva, publicou recentemente um estudo com foco na saúde pública regional, na Revista indexada “Qualis B4” com DOI Digital Object Identifier – Cesumar Saúde e Pesquisa. A pesquisa foi realizada conjuntamente com dois ex-alunos de Fisioterapia do Imes, Murilo Ramos Peres e Claudemir Brumati Junior, que avaliaram a postura dos profissionais cuidadores de idosos do município de Tabapuã.
Para a concretização do estudo, foram utilizados o Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares, que é um instrumento identificador de distúrbios osteomusculares nas diversas regiões anatômicas e a Biofotogrametria computadorizada. “Com os dados comparados e estabelecidos, concluímos que a maior incidência é relatada na região lombar (40%), seguida de membros inferiores (35%), relativas considerações que todos possuem relatos de dores e relatos de alteração postural de escoliose. Assim, a pesquisa é um forte indicador da necessidade de programas de treinamento e de cursos de graduação e pós-graduação para a região na área da saúde do idoso, treinando e capacitando melhor estes profissionais”, comentou Dr. Maurício.

Link da revista:

http://periodicos.unicesumar.edu.br/index.php/saudpesq/article/view/3990

Professor do Imes publica artigos de Saúde em revista argentina

O Prof. Dr. Mauricio Ferraz de Arruda (foto), docente dos cursos da saúde do Imes Catanduva, publicou recentemente dois artigos da área de Anatomia na revista argentina “Qualis B5”. O título dos trabalhos são: “La dicotomía en la enseñanza de anatomía. De la práctica a la teoría en el aprendizaje de la biología humana” e “Identificación de género por craneometría y craneoscopia humanas de cráneos  no pre-establecidos y la correlación de los resultados de diferentes mediciones”.
Os artigos podem ser conferidos nos links abaixo:

http://www.efdeportes.com/efd199/dicotomia-do-ensino-de-anatomia.htm

http://www.efdeportes.com/efd198/identificacao-de-genero-por-craniometria.htm

foto Faculdade 001

Imes promove palestra sobre Ginástica Laboral para funcionários do Fórum

O Imes Catanduva, por meio do curso de Fisioterapia, realizou, nos dias 10 e 11 de fevereiro, a palestra “Benefícios da Ginástica Laboral”, voltada aos funcionários do Fórum. Conduzida pelos professores Fábia Ferreira da Silva Prieto e Maurício Ferraz de Arruda, docentes do curso de Fisioterapia do Imes, a atividade deu-se no período da manhã, no Salão do Júri do Fórum “Dr. Renato Bueno Neto”, localizado no Parque das Américas.
Segundo a diretora do Imes, Profa. Maria Lúcia Miranda Chiliga, a palestra teve o intuito de promover o conhecimento e o esclarecimento sobre a ginástica ou cinesioterapia laboral, assim como sensibilizar a equipe do Fórum quanto à importância da realização da mesma.
De acordo com a coordenadora do curso de Fisioterapia, Profa. Fábia Ferreira da Silva Prieto, a atividade dos dias 10 e 11 desse mês ocorreram em parceria com a Escola Paulista da Magistratura e com apoio da Associação Paulista de Magistrados (Apamagis).
Em nota oficial, um dos apoiadores da palestra, o Juiz Dr. José Roberto Lopes Fernandes, frisou a importância da atividade, que está inserida em um projeto maior do Poder Judiciário, e que atende as diretrizes da Comissão de Imprensa do E. Tribunal de Justiça de São Paulo, como forma de transparência e prestação de serviços e aproximação do Poder Judiciário e sociedade e seus servidores. “Em sintonia com as diretrizes do E. Tribunal de Justiça de São Paulo em proporcionar melhoraria da qualidade de vida no serviço público, iniciamos, na condição de Diretor do Fórum,  no ano de 2014,  a realização de um trabalho no Fórum de Catanduva, com apoio da Associação Paulista de Magistrados e Escola Paulista da Magistratura – EPM,  consistente em palestras direcionadas ao servidores do Poder Judiciário sobre temas diversos, entre eles, motivação, estresse, prevenção e esclarecimento de doenças como câncer de mama,  câncer de próstata etc. Além destas palestras presenciais, contam também os servidores com palestras telepresenciais sobre os mais diversos temas de Direito, realizadas em São Paulo, e transmitidas em tempo real no Fórum de Catanduva, visando o aprimoramento e melhor qualificação dos servidores e consequentemente proporcionar uma melhor prestação jurisdiciobnal.
Com este intuito entendemos conveniente também implantar para os servidores a ginástica laborativa. Encontramos no Imes um apoiador e incentivador da ideia, com quem foi firmado um convênio com o Fórum para este fim. Para disseminar a importância da ginástica laboral e da atividade física na manutenção da saúde dos servidores foram realizadas recentemente duas palestras de sensibilização, pois entendemos que realmente a ginástica laboral proporciona grandes benefícios, atua na prevenção de lesões e promove melhoria de rendimento”, comentou.
Dr. José Roberto Lopes Fernandes ainda esclareceu que a partir de março serão desenvolvidas sessões de ginástica laboral no Fórum. “São cerca de 10 ou 15 minutos, duas vezes na semana, em que o servidor deixa sua rotina para fazer a ginástica e equilibrar suas forças, inclusive sua mente, conseguindo assim, concluir suas tarefas com mais produtividade, sem sofrer as intercorrências comuns, diria até,  para quem trabalha à frente de um computador, mormente agora em que implantado na Comarca o chamado “processo eletrônico”, em que passa a não existir mais processo físico, mas apenas o processo “digital”, aumentando assim a necessidade de concentração e esforço nas rotinas de trabalho em frente ao computador. As primeiras sessões da ginástica laboral estão previstas para começar em março. Buscamos com tais iniciativas  na Comarca de Catanduva, sempre em sintonia com as diretrizes do Tribunal de Justiça, proporcionar melhor qualidade de vida no serviço público, estimular a participação dos servidores do Poder Judiciário ampliando o sentido e âmbito de suas funções, com aprimoramento da qualificação profissional e estimular a cordialidade na atividade forense, estreitando laços não só institucionais mas entre os próprios servidores para que todos (operadores do direito, funcionários  e público frequentador dos Fóruns) possam vivenciar ambiente mais harmônico, com consequente melhora da prestação jurisdicional como um todo”, disse.
As palestras dos dias 10 e 11 de fevereiro também tiveram o apoio e a viabilização do professor Dr. Antonio Carlos Fuzaro Junior, do curso de Direito do Imes.

SAM_1336

SAM_1316

Professor do Imes publica novo artigo de Saúde em renomada revista brasileira

O professor Dr. Mauricio Ferraz de Arruda, junto das fisioterapeutas Jéssica Aparecida Bazaglia e Gabriela Saravalli, do Departamento de Ciências da Saúde do Imes Catanduva, publicaram artigo inédito na Revista Brasileira de Medicina do Esporte – Scielo, edição de julho/agosto de 2014, volume 20, número 04, sob o título “Ganho de força e função em idosos por treino isométrico com e sem resposta visual”. A pesquisa também foi realizada pelo fisioterapeuta Lucas Langoni Cassettari, do Departamento de Bases Gerais da Cirurgia da Faculdade de Medicina da Unesp de Botucatu, e pela bióloga Helena Ribeiro Souza.
“Pudemos avaliar o efeito do treinamento físico sob duas ópticas de comando terapêutico, com e sem resposta visual por unidade de pressão, bem como seus possíveis benefícios quanto ao ganho de torque muscular, inerente à funcionalidade citada no questionário de qualidade de vida SF-36, avaliando assim a influência do treinamento físico. Como resultado houve correlação extremamente válida entre o ganho de força em flexão com o teste de sentar e levantar, com o qual, apesar de ganho menor comparado ao ganho de força em extensão, estabeleceu-se correlação com o ganho funcional, independentemente da resposta visual ao exercício”, comentou o professor Mauricio Arruda.
O artigo na íntegra está em http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1517-86922014000400309&script=sci_arttext